Acesse e Curta a Fan Page

CURTA A FAN PAGE O PANTERA TRICOLOR NO FACEBOOK

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

BOTAFOGO VENCE O SÃO PAULO



Botafogo vence o São Paulo e despacha crise

Demorou, mas aconteceu a primeira vitória do Botafogo no Campeonato Paulista. E não poderia ser melhor. A equipe panterina bateu o São Paulo por 2 a 1, na noite deste domingo (6), em Santa Cruz e deixou a zona de rebaixamento da competição, agora, com sete pontos ganhos em sete jogos disputados. Anselmo, de cabeça, e Paulinho marcaram os gols botafoguenses. Marcelinho Paraíba diminuiu para o Tricolor paulista.

Dirigido de forma interina pelo técnico Régis Angeli, o Botafogo apresentou após a partida o novo treinador contratado na última sexta-feira (4). Fernando Diniz participou de entrevista coletiva e inicia trabalhos amanhã à tarde quando está marcada a reapresentação do time tricolor. A preparação será para a partida contra o Santo André, na próxima rodada, no sábado (12), às 18h30, em Santa Cruz.

O jogo
Com a volta de Rodrigo Soares, Assis e Assisinho ao time titular, o Botafogo iniciou a partida contra o São Paulo cauteloso, mas equilibrado no toque de bola, envolvendo o adversário. Assisinho era bem explorado e Andrezinho comandava o lado esquerdo do ataque com boas investidas. E foi de uma falta sofrida pelo atacante e cobrada pelo lateral que saiu o primeiro gol panterino.

Andrezinho cobrou com perfeição na cabeça de Anselmo, que de costas, desviou para o fundo das redes de Rogério Ceni. “Tive a felicidade de bater a falta na medida para o Anselmo cabecear. Nós precisávamos muito dessa vitória. O time foi compacto, se defendeu bem e soube concluir bem as jogadas”, comentou o lateral-esquerdo após a partida.

O São Paulo teve a chance de empatar após uma jogada de craque do lateral Ilsinho. O jogador driblou três jogadores do Botafogo em sequência e saiu cara a cara com Julio César. A conclusão, porém, não foi perfeita e a bola tocou no pé da trave para a sorte do time botafoguense.

Na segunda etapa, o técnico Carpegiani mudou a equipe e colocou Marlos no ligar de Juan. Mais ofensivo, a equipe pressionou o Pantera, mas esbarrou nas mãos de Julio César. O goleiro do Botafogo estava inspirado e fez três defesas fantásticas evitando o empate.

Em uma descida ao ataque, após troca de passes perfeita entre Assisinho, Anselmo e Paulinho, o Tricolor de Ribeirão Preto fez o segundo gol com o camisa oito. Paulinho recebeu de Assisinho, carregou e chutou na saída de Rogério Ceni, ampliando o marcador. Na comemoração, ele homenageou o lutador Anderson Silva e simulou um confronto com Rodrigo Soares.

Nos descontos, Marcelinho Paraíba em chute de fora da área com desvio, diminuiu para o São Paulo, dando números finais ao jogo.

Botafogo 2 x 1 São Paulo
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto
Árbitro: Robério Pereira Pires
Assistentes: Dante Mesquita Junior e Ricardo Busette
Público: 6.701 pagantes
Renda: R$ 317.980,00
Cartões Amarelos: Paulinho, Júlio César e Rodrigo Soares (Botafogo); Miranda (São Paulo)
Gols: Anselmo aos 40/1T e Paulinho aos 28/2T (Botafogo); Marcelinho Paraíba aos 47/2T (São Paulo)
Botafogo: Júlio César; Eduardo Ratinho (Dida), Augusto, Gabriel e Andrezinho; Rodrigo Soares, Leandro Carvalho, Paulinho (Chicão) e Assis (Pablo Escobar); Anselmo e Assisinho. Técnico: Régis Angeli (interino).
São Paulo: Rogério Ceni; Luiz Eduardo, Xandão e Miranda; Ilsinho (Carlinhos Paraíba), Jean, Rodrigo Souto, Rivaldo (Marcelinho Paraíba) e Juan (Marlos); Fernandinho e Fernandão. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Rafael Martinez
Assessor de Imprensa

Baixe o Adobe Flash Player

Nenhum comentário:

Postar um comentário